Banner São Bento

Wilson deixa legado de cidadão, chefe de família e político, diz Puccinelli

compartilhe:
Foto: CG News

CG NEWS

Em nota divulgada em sua página no Facebook, o ex-governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (MDB), lamentou a morte de Wilson Barbosa Martins, que comandou o Estado por dois mandatos. Ele morreu às 6 horas da manhã desta terça-feira (13), aos 100 anos, após complicações cardíacas.

“Quem fez da democracia seu Norte e da luta pela igualdade a razão de viver eterniza-se entre nós com líder”.

Para Puccinelli, o ex-governador deixa o legado de cidadão, chefe de família e político para Mato Grosso do Sul. Wilson apoiou André nas eleições municipais de Campo Grande, em 1996.

O ex-chefe do Executivo estadual faleceu em sua residência, na rua 15 de novembro entre a Calógeras e 14 de Julho, onde se tratava há alguns anos. Ele faria 101 anos em 21 de junho deste ano.

Ex-prefeito de Campo Grande entre os anos de 1959 e 1963, deputado federal e senador por Mato Grosso do Sul, Wilson foi governador por dois mandatos –1983 e 1986 e 1995 e 1998.

PBF HALF

WHATSAPP DIÁRIO

Logo whatsapp Diario MS