São Bento 03

Sem acordo com Globo: 1,6 milhão veem Palmeiras pela web

compartilhe:

Clube movimenta canais oficiais durante partidas contra CSA e Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro

A torcida do Palmeiras encontrou nos canais oficiais do clube uma opção para poder acompanhar as partidas do time no Campeonato Brasileiro que não têm exibição em nenhum canal de televisão. Apenas nos dois encontros que tiveram essa lacuna, contra CSA e Atlético-MG, o clube atraiu cerca de 1,6 milhões no YouTube e no Facebook para a transmissão da partida sem imagens e apenas com narração.

A diretoria do Palmeiras comemora esses números, por considerá-los principalmente um sinal de apoio à briga movida nos bastidores pelos direitos de televisão. O presidente do clube, Mauricio Galiotte, entende que as condições oferecidas pela Globo para as negociações para TV aberta e pay-per-view ainda estão com valores abaixo do esperado e enquanto as condições não forem favoráveis, não haverá assinatura.

Por isso, o momento será do torcedor aguardar o andamento das conversas e ter a paciência de acompanhar os lances das partidas do time ou pelo rádio ou em transmissões ao vivo sem imagns dos lances, como as organizadas pelo clube. “A gente lamenta que os torcedores não possam acompanhar alguns jogos, mas é uma causa muito importante, com consequências para os dois lados. Estamos trabalhando, defendendo os interesses do clube”, disse Galiotte à ESPN Brasil na segunda-feira.

Como opção para o impasse, o Palmeiras organizou nos dois jogos que não tiveram exibição na TV uma transmissão em formato diferente nas redes sociais. Uma câmera voltada para a cabine de imprensa mostra imagens de funcionários do clube que são responsáveis por narrarem e comentarem os lances da partida. Há ainda informações como o tempo e o placar do jogo.

Até agora, esse sistema foi utilizado nos jogos contra CSA e Atlético-MG, com a audiência acumulada de 1,6 milhões de torcedores no Youtube e Facebook. Apenas no último domingo, na vitória por 2 a 0 no Mineirão, cerca de 1 milhão de pessoas passaram pela transmissão. Um dos maiores impactos foi no YouTube, plataforma que ganhou 8,5 mil novos inscritos apenas no dia da partida.

O Palmeiras tem se animado com os números e nos últimos dias se reuniu com representantes do YouTube para conversar sobre inovações e oportunidades da plataforma. O objetivo do clube é consultar sobre possíveis recursos para incrementar e inovar as possíveis transmissões a serem realizadas nas próximas rodadas do Brasileiro.

A próxima partida do Palmeiras que não terá exibição em nenhuma TV será no dia 25, contra o Botafogo, em Brasília. O clube deve novamente organizar uma transmissão pelo YouTube e Facebook pelos canais oficiais.

Jeep

WHATSAPP DIÁRIO

Logo whatsapp Diario MS