Porto Alegre registra primeira morte por coronavírus

Vítima, mulher de 91 anos, deu entrada no hospital em estado grave na noite da segunda-feira (23) e morreu na noite da terça-feira (24)

A prefeitura de Porto Alegre confirmou, na madrugada desta quarta-feira (25), a primeira morte por coronavírus no estado do Rio Grande do Sul. A vítima, uma idosa de 91 anos, deu entrada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Moinhos de Vento na última segunda-feira (23) e morreu no dia seguinte.

O anúncio da morte da mulher, que não teve identidade revelada, foi dado pelo prefeito da cidade, Nelson Marchezan, poucas horas após pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro incentivando pessoas a voltarem aos trabalhos. “Não é uma questão jurídica, ideológica. É uma questão fatídica e de saúde”, afirmou o prefeito da cidade sulista.O prefeito pediu, ainda, que os idosos respeitassem o pedido da prefeitura e parassem de sair de casa, aumentando as chances de se expor ao vírus. Até o momento, há nove pessoas com coronavírus internadas em UTIs de Porto Alegre e 26 pessoas com suspeita da doença.