Para a TV Morena, gestão de Délia Razuk “está patinando”

Coluna De Olho – 28/11/2019 – Jornalista Alfredo Barbara Neto –

Companhia Mecanizada

No dia 18 de dezembro irá acontecer, às 10 horas, a solenidade de passagem de comando da 14ª Companhia de Comunicações Mecanizada, na unidade do Exército em Dourados. O major Filipe da Silva Araujo passará o comando para o capitão Elvys Wanderson de Lima e Silva. O anfitrião será o comandante da 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada, general de brigada Eduardo Tavares Martins.

Soldado desconhecido

Hoje é celebrado o Dia do Soldado Desconhecido, data que tem objetivo de honrar a memória dos soldados que perderam as suas vidas lutando pelas suas pátrias, mas cujos corpos não foram identificados. Na ocorrência de uma guerra, é comum que alguns soldados que morrem em combate não sejam transportados para a sua terra natal para que seja organizado um funeral. No Brasil, o Monumento Nacional aos Mortos da Segunda Guerra Mundial, que se encontra no Rio de Janeiro, foi inaugurado em junho de 1960. Este monumento contém uma urna com restos mortais de soldados não identificados, que simboliza o Soldado Desconhecido.

  …

Caçamba

O vereador Júnior Rodrigues (PR) fez requerimento à prefeitura de Dourados para que sejam tomadas providências nos casos de caçambas de lixo e entulho que estão sendo colocadas em vagas de estacionamento destinadas a idosos e pessoas portadoras de deficiência.

Caçamba, ainda

Existe lei que regulamenta a utilização das caçambas. Só que em Dourados parece que é mais uma daquelas leis que nunca saem do papel. As exigências para a colocação adequada das ditas cujas provocam até risos de não inoperantes que são.

Caçamba iluminada

Veja só: uma das normas é que a caçamba deve ser colocada debaixo de poste de iluminação. Só rindo mesmo, né!!! Basta dar uma voltinha pela cidade para se ver um festival de infrações. E, claro, caçamba em locais escuros, o que dificulta e visão.

Aprendiz

Olha só essa notícia que está ‘voando’ em redes sociais: duas deputadas estaduais do Rio de Janeiro, Dani Monteiro e Mônica Francisco (ambas do Psol), apresentaram Projeto de Lei na Assembleia Legislativa que dá preferência na contratação de menor aprendiz a adolescentes que tenham cometido “ato infracional” ou que estejam cumprindo “medida socioeducativa”.

Aprendiz, ainda

É certo que menores que já cometeram crimes precisam ter oportunidade de conviver em sociedade, mas há coisas que ficam difícil de serem entendidas, né!

….

Bem aprendiz

No caso desse projeto, por exemplo, é grande a polêmica que está gerando. Afinal, de acordo com o texto, um menor que tenha cometido algum crime terá preferência na hora de disputar uma vaga de emprego a, por exemplo, um outro menor que leva a vida corretamente. Vixi!!!

Barraquinhas

A Praça Antonio João estava ‘inundada’ ontem, mas não era com a água da chuva tão necessária e aguardada. O local estava mesmo cheio de barraquinhas de empresas nacionais vendendo produtos que, convenhamos, nada têm a ver com o local.

Barraquinhas, ainda

Tinha barraca vendendo pacote de TV por assinatura, fora as de consórcio de motocicletas e até de planos de capitalização. Será que esse pessoal está pagando imposto, ou alguma taxa para ocupar aquele espaço?

Sem barraquinhas

A praça deve ser utilizada bem mais adequadamente, abrindo espaço para venda de artesanato, produtos feitos pelos indígenas ou pela turma da Economia Solidária, entre tantos outros. Agora, TV por assinatura???

Secretariado

A edição de segunda-feira passada do programa ‘Bom Dia MS’, exibido pela TV Morena, dedicou 6 minutos e 51 segundos para falar sobre a mudança de secretariado na administração da prefeita Délia Razuk (PTB) em Dourados.

Secretariado, ainda

O ‘gancho’ da reportagem foi o fato de Délia ter mudado dez integrantes do primeiro escalão somente este ano, o que dá a media de quase um por mês. A partir daí, foi produzida a matéria, com direito a perguntar o nome do secretário de Educação para pessoas na rua (e ninguém saber) e até análise de comentarista da emissora.

Mais secretariado

A TV Morena queria saber se tantas mudanças não podem gerar prejuízos aos projetos da administração municipal e também aos cofres do município. Foi um estrago.

Secretariado, os mais

A reportagem contou que na atual gestão, a secretaria de Saúde já teve cinco titulares. Nas pastas de Fazenda e Cultura, três cada. Para o comentarista político Tércio Albuquerque, a prefeita “precisa tomar cuidado na escolha” dos integrantes do primeiro escalão.

Secretariado, cadeia

Também foi comentado que, nesta administração, teve secretário municipal que foi parar atrás das grades, casos de Denize Portolann, João Fava e Renato Vidigal.

Secretariado, patinando

Logo no início de sua fala, Tércio Albuquerque disse que a gestão municipal “está patinando e com dificuldades”. Que coisa, hein!

Leia também…

1- Projeto ‘Natal do Bem’ será apresentado esta noite em Dourados.

2- Marçal entrega comenda com nome de Tonanni, hoje na AL.