• Início
  • Notícias
  • Brasil elimina Chile com gol de Paquetá e garante lugar na semi da Copa América

Renan Lodi foi um dos destaques do Brasil pela lado esquerdo

Brasil elimina Chile com gol de Paquetá e garante lugar na semi da Copa América

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Lucas Figueiredo/CBF
Atacante entrou no intervalo e fez o gol no primeiro lance, mas Gabriel Jesus foi expulso no minuto seguinte
 
A Seleção Brasileira está na semifinal da Copa América, mas foi com drama. Nesta sexta-feira, pelas quartas de final, a equipe comandada por Tite superou o Chile por 1 a 0, no Rio de Janeiro, gol marcado por Lucas Paquetá no início do segundo tempo (veja abaixo). Minutos depois Gabriel Jesus foi expulso e o Brasil precisou se desdobrar para segurar a pressão chilena em busca da igualdade. Na próxima fase, a Seleção enfrenta o Peru que eliminou o Paraguai com empate em 3 a 3 no tempo normal e vitória nos pênaltis. O confronto acontece na próxima segunda (5), às 19h (MS), também no Estádio Nilton Santos.
 
O jogo
 
O primeiro tempo começou disputado. Aos seis minutos, Neymar cobrou falta na área e a zaga chilena afastou o perigo. Oito minutos depois, foi a vez de Richarlison levar perigo. O camisa 7 passou por Sierralta e chutou para o gol. Bravo fez a defesa. Aos 21 minutos, Neymar fez excelente lançamento para Firmino e o camisa 20 quase abriu o placar no Engenhão.
 
Aos 27 minutos, a Seleção Chilena chegou ao ataque em chute de Vargas. Ederson fez excelente defesa para o Brasil. Danilo quase marcou aos 31 minutos. O camisa 2 avançou pela direita e chutou forte e a bola passou perto do travessão do goleiro chileno. Aos 36 minutos, Neymar aproveitou cruzamento de Roberto Firmino, tentou de letra e Bravo fez a defesa. Depois, aos 43, foi a vez de Neymar dar excelente passe para Gabriel Jesus. O atacante finalizou com categoria e o goleiro chileno desviou para escanteio.
 
O segundo tempo começou com a Seleção Brasileira no ataque. Lucas Paquetá, que entrou no intervalo, balançou as redes no primeiro minuto de jogo. O camisa 17 recebeu passe de Neymar, se livrou da marcação e bateu forte, sem chances para Bravo, 1 a 0. A partida que poderia ficar mais tranquila com a vantagem, mudou no minuto seguinte ao gol. Gabriel Jesus foi disputar uma bola no alto com o lateral Mena, levantou muito o pé e acertou em cheio o adversário, que tentava cabecear a bola. O atacante brasileiro levou cartão vermelho direto.
 
Depois disso o Chile cresceu e ficou mais com a bola, mas o Brasil bloqueava bem e Ederson teve pouco trabalho. Mesmo assim, os chilenos chegaram a marcar com Vargas, mas a arbitragem anulou o gol por impedimento, confirmado na sequência pelo VAR. A Seleção quase marcou o segundo com Neymar aos 20 minutos. O camisa 10 fez jogada individual, se livrou da marcação e finalizou. Bravo evitou um golaço do jogador brasileiro. Quatro minutos depois, Danilo arriscou de longe e Bravo defendeu. O Chile tentou responder aos 32 minutos em chute forte de Meneses. Ederson fez outra grande defesa. Depois, o Brasil controlou o jogo e levou a vantagem de 1 a 0 até o fim, garantindo a classificação.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados