• Início
  • Notícias
  • Andressa Urach rebate críticas depois de afirmar submissão ao marido

Andressa Urach rebate críticas depois de afirmar submissão ao marido

Imagem: Instagram
Andressa Urach causou nas redes sociais ao comentar que decidiu ser submissa ao marido, Thiago Lopes
 
Andressa Urach causou nas redes sociais ao comentar que decidiu ser submissa ao marido, Thiago Lopes. Depois do comentário, a modelo recebeu diversas críticas dos internautas e precisou fazer um desabafo em suas redes sociais, rebatendo os ataques que vinha sofrendo.
 
A modelo postou algumas fotos de um ensaio em sua conta pessoal no Instagram. Andressa afirmou que teve a autorização de seu marido, Thiago, para realizar o trabalho. Ela ainda contou que vem recebendo ofensas todo dia pelas escolhas que fez em relação a isso.
 
“Só quero deixar claro uma coisa: aceitem que dói menos. Todo tipo de comentário ofensivo será bloqueado e, depois, não adianta ir lá na rede social do meu esposo pedir para eu desbloquear. Não quero aqui números de pessoas, não vim ao mundo para agradar ninguém, sei quem sou e Deus sabe e isso basta!”, disse Andressa.
 
“Se você está digitando ódio e coisas ruins na rede social, vai se tratar, procure um médico ou vai ler a bíblia porque você precisa de ajuda”, disparou a modelo, afirmando que nunca tinha se afastado de sua religião.
 
“Quero aqui pessoas que gostem de me seguir e me respeitem! Eu não vou na rede social de vocês ofender ou buscar defeitos em vocês. Então, não dou o direito de fazerem isso comigo. Não faça para os outros o que você não quer para você!”, continuou.
 
Andressa pediu que seus seguidores respeitem as diferenças e ainda fez um desabafo sobre pessoas religiosas e o cuidado com a aparência:
 
“Outra coisa, chega de ser crente feia, depois não sabem porque os maridos abandonam as esposas. A maioria se acomoda depois de casada! Quero e vou ser uma crente que se cuida. Qual foi a parte disso que vocês não entenderam? Quer ser crente feia?”
 
Em suas redes sociais, Andressa Urach afirmou ser feliz ao escolher ser submissa ao marido e que não é uma pessoa feminista. Ela pediu que sua decisão fosse respeitada, assim como ela respeitava decisões contrárias.

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados