• Início
  • Notícias
  • Em jogo de sete gols, Juventude AG perde para o Marreco Futsal

Após dois jogos fora de casa, com uma vitória e uma derrota, o Juventude AG faz primeiro jogo em Dourados no sábado

Em jogo de sete gols, Juventude AG perde para o Marreco Futsal

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Murilo Somenssi/Marreco Futsal
Time douradense chegou a estar com três gols atrás, reagiu, mas não evitou a derrota por 4 a 3
 
O Juventude AG conheceu sua primeira derrota na Liga Nacional de Futsal. Pela quarta rodada da primeira fase, nesta terça-feira (25), o time douradense foi à Francisco Beltrão, no Paraná, enfrentar o Marreco Futsal e, uma partida eletrizante no fim, perdeu por 4 a 3. Vini, Amadeu e dois de Gui Reis foram os autores dos gols do time da casa, com Chico, Dudu e Joãozinho descontando para o Juventude.
 
Com o resultado, os dois times estão juntos com três pontos no Grupo B, dividindo a quinta posição com Atlântico-RS e Blumenau-SC. O time gaúcho é o próximo adversário do Juventude, no sábado (29), no Ginásio da Unigran, em Dourados.
 
Gols
 
O JAG teve um primeiro tempo para esquecer. O Marreco, pressionado pela necessidade de buscar a primeira vitória na competição, encurralou o time sul-mato-grossense até conseguiu abrir o placar, aos dez minutos, com gol de talento do Gui Reis, usando o calcanhar para vencer Giovanni. No último lance do primeiro tempo, o time da casa ampliou, com Amadeu.
 
Na volta do intervalo, o Juventude equilibrou as ações, mas não conseguiu diminuir. Do outro lado, o Marreco aproveitou a chance para marcar o terceiro, com Vini, aproveitando uma bola que bateu no travessão, quase em cima da linha do gol. Dois minutos depois, Dudu, aproveitando cobrança de escanteio, diminuiu para 3 a 1. Faltando cinco minutos, foi a vez de Chico, na insistência, marcar o segundo.
 
Vendo a possibilidade de buscar o empate, o JAG foi ao ataque e o empate não saiu por pouco, faltando três minutos, em chute de Rikelme que explodiu no travessão. Pouco depois, voltou a aparecer Gui Reis, aproveitando rebote de Giovanni para fazer 4 a 2. No último minuto, Joãozinho chegou a marcar mais para o Juventude AG, mas era tarde para buscar o empate.
 
Autor de um dos gols do JAG, Dudu lamentou o desempenho do time nos primeiros minutos do jogo. “Vínhamos de uma boa vitória em Joinville e entramos um pouco desligados no primeiro tempo. A proposta era esperar o Marreco e acho que esquecemos de fazer o que Lucas Chioro nos impôs. Demoramos muito para poder entender o jogo e no segundo tempo melhoramos. Tudo é um aprendizado”, disse.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados