• Início
  • Notícias
  • Ceará elimina Vitória e está na final da Copa do Nordeste

Vozão avançou para manter o título do Nordestão

Ceará elimina Vitória e está na final da Copa do Nordeste

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Twitter Oficial/Ceará SC
No Castelão, Vozão venceu por 2 a 0, gols de Vina e Messias no primeiro tempo
 
Atual campeão, o Ceará-CE segue no caminho para manter o título da Copa do Nordeste. Neste sábado, pela semifinal, o Vozão bateu o Vitória-BA por 2 a 0 e conquistou uma vaga na decisão, com gols de Vina e Messias, ambos no primeiro tempo (veja abaixo)
 
O time de Guto Ferreira chega à final do Nordestão com a segunda melhor campanha geral no torneio, com seis triunfos e quatro empates. Além disso, o time tem a melhor defesa da competição, com apenas três gols sofridos. 
 
O jogo
 
Na Arena Castelão, o Vitória começou a partida mais ofensivo e teve boa chance de balançar as redes logo aos quatro minutos de jogo. Soares deu bom passe para David, que finalizou com perigo e obrigou Richard a fazer grande defesa. Depois, o Ceará passou a ter mais posse de bola e controlar as ações. Na marca dos 19, Raul Prata, na tentativa de fazer o corte, mandou a bola na trave. E, no rebote, Vina não desperdiçou e marcou de cabeça para deixar o Vozão na frente, 1 a 0. A equipe cearense seguiu pressionando os visitantes e ampliou a vantagem aos 40. Em jogada de falta ensaiada, Vina cobrou com perfeição para Messias, que deu um tiro de cabeça para fazer 2 a 0.
 
Em desvantagem no placar, o Vitória voltou para o segundo tempo se lançando ao ataque. Logo no início, Soares cruzou com perigo para o meio da área, mas viu Klaus aparecer e fazer o corte antes de a bola chegar em Samuel. Aos nove minutos, duas chegadas. Primeiro, Soares chutou colocado e obrigou Richard a espalmar. E, na sobra, Eduardo também finalizou colocado, mas mandou por cima da meta cearense. Depois, o Ceará se fechou na marcação e foi administrando o resultado positivo. Em uma das poucas chances criadas, aos 32, Fernando Sobral mandou uma bomba de primeira, mas para fora. Antes do apito final, o Leão ainda chegou perto de marcar na cobrança de falta de Eduardo, que viu Richard sair e tirar de soco para garantir o triunfo do Vozão por 2 a 0.
 
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados