• Início
  • Notícias
  • Dourados AC faz 3 a 0 no Novo e garante liderança do grupo no Estadual

Jogo no Jacques da Luz não teve gol no primeiro tempo, mas o DAC mandou no segundo

Dourados AC faz 3 a 0 no Novo e garante liderança do grupo no Estadual

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Cláudio Severo/Esporte MS
THiago Moura, Rilber e Rosseto marcaram os gols do DAC que abre quatro pontos na liderança
 
Não teria jeito melhor do Dourados AC começar o Campeonato Sul-Mato-Grossense. Neste sábado (6), pela segunda rodada, o campeão da Série B foi à Campo Grande e venceu o Novo FC por 3 a 0, mantendo 100% de aproveitamento neste início de competição. Thiago Moura, Rilber e Rosseto, todos no segundo tempo, marcaram os gols douradenses.
 
Com o resultado, o DAC dispara na liderança do Grupo A com seis pontos em dois jogos, deixando EC Águia Negra, que empatou em 1 a 1 com o Aquidauanense FC em Rio Brilhante, na segunda posição com dois pontos. Azulão e o Novo dividem a terceira posição com um ponto cada e o Operário FC, zerado, ainda não jogou, estreando apenas no próximo domingo (14).
 
Gols
 
O jogo não foi dos mais produtivos no primeiro tempo. Atrapalhados pelo forte calor e o gramado irregular, os jogadores não conseguiam dar sequência em jogadas trabalhadas e os lances de mais perigo aconteciam em jogadas de bola parada. Pelo lado do Novo, apenas uma conclusão em cobrança de falta de Jonathan que Matheus Gutz defendeu sem sustos. O DAC contava com Igor Vilela que, em três cobranças de escanteio pela esquerda, colocou a defesa adversária em dificuldade, mas os atacantes não aproveitaram.
 
Na segunda etapa, os dois times voltaram no mesmo ritmo, mas aos poucos o Dourados melhorou, principalmente com as mudanças promovidas pelo técnico Robson Mattos a partir dos 15 minutos e os gols saíram. Aos 18, Gustavo Rosolem, que havia acabado de entrar, cruzou para o zagueiro Thiago Moura, de cabeça, abrir o placar. Aos 21 minutos, Café, que foi deslocado da ala esquerda para direita, fez jogada de linha de fundo e cruzou na medida para Rilber, outro que saiu do banco, fazer 2 a 0.
 
Depois, o jogo ficou todo com as iniciativas do DAC, com o time de Campo Grande desarticulado e sentindo a parte física. Com o controle, o terceiro gol era uma questão de tempo e ele veio aos 39 minutos. Rilber avançou pela esquerda, rolou para Rosolem próximo à área e o meia, sem possibilidade de conclusão, viu Rosseto livre, mais à direita. O toque veio e o camisa 11 bateu firme, tirando de Wesley Cardoso e fechando o placar em 3 a 0.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados