Na volta, quinta-feira, o vencedor avança para decisão e empate leva disputa para os pênaltis

Manaus e Remo abem semifinal da Copa Verde com empate

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Antônio Assis/FAF
Placar de 1 a 1 deixa disputa aberta para jogo de volta, em Belém
 
Tudo igual na partida que abriu as semifinais da Copa Verde neste sábado (13). Pela rodada de ida, Manaus-AM e Remo-PA ficaram no 1 a 1, resultado que deixa a definição aberta para o segundo jogo apontar o finalista (veja abaixo). Os dois times voltam a se enfrentar na quinta-feira (18) no Estádio Mangueirão, em Belém. Quem vencer o jogo de volta garante vaga na final, enquanto uma nova igualdade por qualquer placar leva definição do classificado para as penalidades. 
 
O jogo
 
O duelo na Arena da Amazônia não podia começar melhor para o Manaus. Logo aos seis minutos, depois de uma falha da defesa adversária, Erivélton achou Gabriel Davis, que cruzou rasteiro para Diego Rosa inaugurar o marcador. Tentando uma resposta imediata, o Remo levou perigo em arremate de Wallace. Com a vantagem construída nos primeiros minutos, o Gavião passou a apostar mais nos contra-ataques, enquanto o Azulino controlava a posse de bola. Lucas, aos 12, e novamente Wallace, aos 15, assustaram para o Leão. Já o time da casa teve chances de ampliar com Erivélton, aos 21, e em uma bomba de Vinícius Barba, que parou no goleiro remista, aos 30. Nos acréscimos, o Remo por pouco não chegou ao empate, após sobra de escanteio, mas Edvan apareceu para salvar o Manaus. 
 
No segundo tempo, foi a vez do Remo começar pressionando. Felipe Gedoz, aos dois, cobrou falta na área e Kevem testou com perigo. No minuto seguinte, Wallace de novo teve a chance, mas viu Rafael fazer a defesa. Já na marca dos nove minutos, o Manaus passou a jogar com um a menos, após expulsão de Thiago Spice. Mesmo em desvantagem numérica, o Gavião administrou o duelo durante boa parte da etapa final. Mas, já aos 43 minutos, Diguinho recebeu livre dentro da área e arriscou a finalização para mais uma defesa de Rafael. Só que no rebote, Wellington Silva não perdoou e empatou o jogo para o Leão: 1 a 1. Na sequência, os visitantes tiveram a chance da virada com Augusto e novamente o goleiro esmeraldino evitou o gol. 
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados