Jogo equilibrado na Arena do Grêmio fez justiça ao empate

Grêmio e Atlético ficam no 1 a 1 em Porto Alegre

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Galo saiu na frente com Hyoran, mas Everton igualou no fim
 
Tudo igual em partida que valia disputa direta por posição dentro do G4 do Campeonato Brasileiro. Nesta quarta-feira (20), pela 31ª rodada, em Porto Alegre, Grêmio e Atlético-MG ficaram no 1 a 1. Hyoran abriu o placar cobrando pênalti no primeiro tempo e Everton, quase no fim do jogo, igualou para os gaúchos (veja abaixo).
 
Com o resultado, o Galo chegou a 54 pontos e segue na terceira posição, enquanto o Tricolor Gaúcho, com 51, permanece no sexto lugar.
 
O jogo
 
Dispostos a buscar os três pontos na rodada, Grêmio e Atlético fizeram um primeiro tempo equilibrado. Sem muitas chances criadas, o Galo foi quem aproveitou melhor as chegadas e acabou abrindo o placar, aos 31 minutos. Após boa jogada individual, Keno passou para Vargas, que tocou de calcanhar para Guilherme Arana. O lateral acabou derrubado na área, e a arbitragem assinalou o pênalti. Hyoran cobrou sem chances para Vanderlei e fez 1 a 0. O Tricolor Gaúcho, tentando furar a marcação do time mineiro, conseguia armar boas jogadas pela direita, com cruzamentos chegando algumas vezes para Pepê, que não conseguiu igualar o marcador.
 
No segundo tempo, as equipes seguiram o ritmo com poucas finalizações. O Atlético, no entanto, foi quem mais se lançou ao ataque. Primeiro, Allan arriscou de média distância, mas Vanderlei defendeu com tranquilidade. Depois, Vargas chutou após cruzamento rasteiro de Keno, mas também foi parado em defesa do goleiro gremista. Em outra chegada, o atacante chutou de longe e, mais uma vez, Vanderlei fez a interceptação. 
 
O Grêmio, com dificuldades para criar, passou a levar mais perigo nos minutos finais. E, na primeira finalização com chance clara de balançar as redes, a equipe da casa conseguiu o empate. Aos 41, Ferreira se livrou da marcação e tocou para Diego Souza, que acabou desarmado por Junior Alonso. A bola acabou ficando viva na área, e Everton chutou com força para igualar o marcador em 1 a 1. Nos acréscimos, Ferreira, em bela jogada, quase virou, mas Everson evitou o gol e manteve o empate até o fim.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados