Rivais marcaram um em cada tempo, mas resultado impediu um ou outro de se aproximar do G4

Guarani e Ponte Preta empatam em clássico campineiro

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Twitter Oficial/AA Ponte Preta
Placar de 1 a 1 no Brinco de Ouro foi ruim para os dois lados, que seguem na briga pelo G4, mas fora
 
A 33ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro começou com clássico campineiro entre Guarani-SP e Ponte Preta-SP. Nesta terça-feira (5), as equipes se enfrentaram no Brinco de Ouro da Princesa em busca dos três pontos para seguirem com chances reais de brigar por uma vaga na elite do futebol nacional. No entanto, o dérbi acabou empatado em 1 a 1 (veja abaixo).
 
Com o resultado, o Bugre chegou a 48 pontos, na sexta posição. A Macaca aparece logo em seguida, em sétimo, com 47. O primeiro time dentro do G4 é Juventude-RS, com 52.
 
O jogo
 
O Guarani começou o primeiro tempo do clássico no Brinco de Ouro da Princesa com mais posse de bola, mas sem conseguir furar o bloqueio da Ponte Preta. A melhor chance para o Bugre foi com Matheus Souza, aos 11 minutos. O atacante recebeu a bola em frente a Ygor Vinhas, que fez grande defesa e evitou o gol dos donos da casa. A Macaca, jogando mais fechada, acabou sendo mais eficaz e abriu o placar aos 25. Camilo rolou a bola para Bruno Rodrigues, que achou Matheus Peixoto na área. O atacante finalizou colocado e inaugurou o marcador no clássico campineiro.
 
O segundo tempo foi mais equilibrado, com o Guarani pressionando pelo empate, e a Ponte apostando em contra-ataques. Se lançando ao ataque, o Bugre acabou deixando tudo igual aos 14 minutos. Matheus Ludke aproveitou erro de Camilo na saída de bola, cortou Barreto e mandou uma bomba para o fundo das redes, igualando em 1 a 1. Depois, a equipe alviverde ainda assustou com Waguininho e Matheus Souza, enquanto a Macaca quase marcou com Bruno Rodrigues, que ficou cara a cara com Gabriel, mas finalizou para fora.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados