Com vitória, Águia Negra terminou participação no Brasileiro na quinta posição do grupo

Águia Negra vence União em despedida da Série D

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Franz Mendes
Rubro-negro fez 4 a 3 e igualou pontuação do Real Noroeste, mas perdeu vaga no saldo de gols
 
Terminou a participação do futebol sul-mato-grossense na Série D do Campeonato Brasileiro. Neste sábado (28), pela 14ª e última rodada da primeira fase, o EC Águia Negra se despediu vencendo o União-MT por 4 a 3 em Rio Brilhante. A vitória, combinada com a derrota do Real Noroeste-ES para o Goiânia-GO por 1 a 0, fez o Águia terminar com a mesma pontuação do Real, com 19 pontos, mas na quinta pontuação, já que o time capixaba tem melhor saldo de gols e ficou na quarta posição, fechando a zona de classificação para a próxima fase.
 
Gols
 
O Águia Negra precisaria de uma goleada improvável sobre o União no Estádio Ninho da Águia para sonhar com classificação e começou bem, abrindo o placar logo aos três minutos. Em cobrança de pênalti, Rafael Franco bateu no canto alto esquerdo do goleiro Evandro, que acertou o canto, mas não alcançou a bola. O rubro-negro, porém, não manteve o ritmo e, no final da etapa, levou a virada em dois minutos. Aos 45 minutos, em mais uma cobrança de pênalti, Neves igualou o placar. No lance seguinte, em jogada de contra-ataque, Neves aproveitou, driblou Tafine e fez 2 a 1.
 
Na volta do intervalo, o Águia foi para o ataque e não demorou a empatar o jogo e, logo aos dois minutos, Fernandinho acertou um belo chute da entrada da área para cravar 2 a 2. A virada veio aos 24 minutos em mais um pênalti, sofrido pelo Pedro. Preto cobrou deslocando o goleiro, fazendo o terceiro gol do time de Rio Brilhante.
 
A vantagem, porém, não durou muito. Dois minutos depois, Jeferson, que havia acabo de entrar, na sua primeira participação, recebeu na entrada da área e bateu colocado no ângulo esquerdo de Tafine, empatando mais uma vez o jogo. O gol da vitória do Águia saiu em jogada individual de Pedro pela direita. O camisa 8 foi para área, se livrou do marcador e bateu forte. O goleiro Evandro até tocou na bola, mas não conseguiu evitar o gol que definiu o placar em 4 a 3.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados