• Início
  • Notícias
  • Flamengo e Athletico abrem confronto com empate sem gols no Maracanã

Empate sem gols deixa disputa aberta para a volta em Curitiba

Flamengo e Athletico abrem confronto com empate sem gols no Maracanã

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Twitter Oficial/Athletico-PR
Os dois times voltam a se enfrentar dia 17 de agosto e o vencedor garante classificação
 
Tudo igual no confronto rubro-negro pelas quartas de final da Copa do Brasil. Pela rodada de ida no Rio de Janeiro, nesta quarta-feira (27), Flamengo e Athletico Paranaense ficaram no empate sem gols. Os dois times voltam a se enfrentar no dia 17 de agosto na Arena da Baixada, em Curitiba. O vencedor avança para a semifinal. Em caso de novo empate, por qualquer placar, a disputa termina nos pênaltis. 
 
O jogo
 
Embalado pelo torcedor que lotou o Maracanã, o Flamengo ditou o ritmo do primeiro tempo desde o apito inicial. A equipe carioca desceu para o intervalo com mais de 60% de posse de bola, mas não conseguiu transformar o domínio em vantagem no placar.
 
Nos primeiros 20 minutos, o time da casa chegou com perigo em quatro oportunidades. João Gomes, Pedro e Gabriel viram o goleiro Bento salvar o Furacão, enquanto Rodinei arriscou de fora da área, mas errou o alvo. 
 
Já na marca dos 30, Gabriel desperdiçou a melhor chance do Fla, após cruzamento de João Gomes. Mais tarde, Pedro e Arrascaeta voltaram a assustar para os cariocas. Do outro lado, o Athletico só apareceu no ataque aos 45 minutos em bela jogada de Terans, que achou Fernandinho dentro da área e o camisa 5 soltou a bomba por cima da meta adversária. 
 
Depois das conversas nos vestiários, o Flamengo manteve o controle das ações. Pedro, aos quatro, acertou o poste e Arrascaeta, aos seis, passou perto. Tentando uma resposta rápida, a equipe paranaense assustou após cruzamento de Khellven. Mas foi o Rubro-Negro carioca que seguiu pressionando no ataque.
 
Arrascaeta criou mais uma boa oportunidade em cobrança de falta. Na sequência, Gabriel teve mais duas chances, a primeira tentativa parou em Khellven, que afastou o perigo em cima da linha, e a segunda carimbou o poste. Passados os 40 minutos, foi a vez do Furacão assustar na bola parada, com Matheus Felipe e Erick, mas o jogo terminou mesmo 0 a 0. 
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados