• Início
  • Notícias
  • Flamengo vence Ceará e adia título do Atlético no Brasileirão

Gabigol marcou o primeiro gol no reencontro do Flamengo com o torcedor após a queda na Libertadores

Flamengo vence Ceará e adia título do Atlético no Brasileirão

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Twitter Oficial/CR Flamengo
Gabigol e Matheuzinho marcaram os gols rubro-negros, com Rick descontando no 2 a 1
 
O Flamengo conseguiu adiar por mais uns dias o título do Atlético Mineiro no Campeonato Brasileiro. Pela 36ª rodada, nesta terça-feira (30), o Mengão enfrentou o Ceará-CE no Rio de Janeiro, venceu por 2 a 1, gols de Gabriel e Matheuzinho, com Rick descontando, e manteve as remotíssimas chances de alcançar o líder (veja abaixo).
 
Com o resultado, o Rubro-Negro chega aos 70 pontos e está em segundo lugar. O Atlético tem 78 pontos e completa a rodada na quinta (2) contra o Ceará, em Salvador e, se vencer, levanta a taça. O Ceará está em nono, com 49 pontos conquistados, e briga por lugar na Libertadores.
 
O jogo
 
O Flamengo começou o duelo no Maracanã a todo vapor. Logo aos três minutos, Diego recuperou a bola no campo de ataque, serviu Gabriel, que de canhota, colocou no cantinho do goleiro e abriu o placar. O Rubro-Negro seguiu com um volume ofensivo no jogo, pressionando o Vozão no seu campo de defesa.
 
O Alvinegro começou a crescer na partida na altura dos 17, e quase empatou com Mendoza. Em recuperação de bola no campo ofensivo, Kelvyn avançou em velocidade e serviu o meia, que dentro da área, chutou forte, mas acertou a rede pelo lado de fora. As duas equipes seguiram com muita luta e intensidade no jogo. O Fla teve uma outra grande chance de marcar aos 42: quando Matheuzinho foi lançado em velocidade pela direita, cruzou na cabeça de Gabigol, que desviou no travessão do Vozão.
 
Na etapa final, o Flamengo seguiu dominando no início. Criou algumas oportunidades de ampliar o placar. Porém, o Ceará que conseguiu ir às redes: em transição rápida, Rick serviu Yony González pela direita, que chutou cruzado, Hugo espalmou, no rebote Rick apareceu e empurrou para o fundo do gol, aos 25 minutos, igualando em 1 a 1.
 
O Rubro-Negro voltou a pressionar com o placar empatado. Até que aos 33, Michael construiu a jogada pela direita, cruzou, a bola sobrou na medida para Matheuzinho que soltou um foguete e fez o segundo dos cariocas. No fim, o Vozão tentou pressionar, principalmente nas bolas alçadas na área, mas não conseguiu igualar o marcador.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados