Trajetória da Instituição marca evolução de Dourados e região

UNIGRAN: há 45 anos transformando sonhos em momentos reais

Imagem: Divulgação
Instituição tem como missão o desenvolvimento educacional da região e chegou ao mundo inteiro
 
 
O Centro Universitário da Grande Dourados completa 45 anos neste 27 de outubro. Milhares de momentos e histórias de vida perpassam a Instituição de Ensino Superior que é considerada de excelência e que está no topo do ranking das melhores do país, segundo as avaliações do Ministério da Educação – MEC.
 
Em 1976 Dourados ainda fazia parte do estado do Mato Grosso, com cerca de 80 mil habitantes e economia voltada para o agronegócio. Os pioneiros Boris e Jacks Grinberg, Ivo Cerzósimo de Souza, Valderez de Oliveira, Luiz Carlos de Mattos Filho, Manoel Fernando Passaes, Heitor Gurgulino de Souza e João Totó Câmara, prefeito à época, se engajaram na audaciosa empreitada de criar uma faculdade.
 
Com a necessidade e o intuito de proporcionar à sociedade, crescente e em ascensão, formação educacional superior, para elevar o nível profissional, cultural e social da região, foi que surgiu a Sociedade Civil de Educação da Grande Dourados – Socigran. Houve então, o advento da primeira faculdade privada da região sul do Estado, com os cursos de Administração e Direito, sob a direção de Murilo Zauith.
 
No ano de 1994, Cecília Tania Grinberg Zauith passou a presidir a Mantenedora da Instituição. “Fato muito marcante para quem viveu essa história foi em 1998, quando ocorreu a transposição de Socigran para UNIGRAN. Logo, os cursos da Saúde, que hoje são referência, iniciaram suas atividades. Fisioterapia e Psicologia em 1999; Biomedicina em 2001”, conta Cecília Zauith.
 
Da maior cidade do interior do Mato Grosso do Sul para o mundo. Foi assim que, a partir de 2005, a UNIGRAN passou a oferecer educação superior a distância. “Hoje estamos presentes em 23 estados brasileiros e no exterior, com unidades de apoio em 12 países. Além dos Estados Unidos e Japão, na Europa a Instituição possui polos na Alemanha, Bélgica, Espanha, França, Holanda, Inglaterra, Irlanda, Itália, Portugal e Suíça”, ressalta a presidente da Mantenedora.
 
Já em 2007, um fato significativo foi o lançamento da Faculdade UNIGRAN Capital, que agora é Centro Universitário. O MEC aprovou o credenciamento da Instituição, que está presente há 13 anos em Campo Grande. Em 2018, a UNIGRAN Capital conquistou o Conceito Institucional 5, considerado de excelência do MEC. Na capital, foi a única Instituição de Ensino Superior a atingir nota máxima.
 
Bodas de Rubi
Nestas ‘bodas de rubi', a UNIGRAN reafirma seu compromisso com a sociedade, por meio de uma educação de ensino superior de excelência e de atividades de extensão que atendem toda a comunidade, objetivando a manutenção do desenvolvimento social e econômico.
 
O pioneirismo também se revela em novas tecnologias e inovação. Prova disso, é a parceria firmada com o Google, que fornece aos professores e acadêmicos todas as ferramentas da moderna plataforma ′Google for Education′, um sistema integrado de softwares que potencializam a capacidade pedagógica do Centro Universitário. Além disso, o corpo docente utiliza-se de instrumentos que possibilitam a didática que hoje é considerada a nova concepção de ensino, a chamada ′metodologia ativa′, na qual os estudantes são, de fato, os protagonistas do processo educacional.
 
Os novos rumos da Educação requerem que as IES olhem para o mercado da tecnologia e, cada vez mais, há a confirmação de um novo modelo de ensino, focado totalmente na aprendizagem. Antenada a isso, a UNIGRAN já investe na capacitação docente para o novo modelo de aulas e produção de conteúdos, com um ensino flexível, personalizado, atraente e de qualidade.
 
 
Sem esquecer de suas raízes, mas com olhar fixado no futuro do desenvolvimento educacional, a UNIGRAN espera poder comemorar os próximos 45 anos contribuindo com a educação superior de excelência.

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados