• Início
  • Notícias
  • Agepan defende o retorno do horário de verão para economia de energia

Horário de verão é uma das alternativas de redução diante da crise hídrica no país

Agepan defende o retorno do horário de verão para economia de energia

Por Bruna Aquino
Agepan
Imagem: Divulgação
A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Mato Grosso do Sul - Agepan é favorável ao retorno do horário de verão, adiantamento de uma hora nos relógios em todos os estados do país, como alternativa para economia de energia diante da escassez de água e a crise hídrica que o Brasil vem enfrentando.
 
De acordo com o diretor-presidente da Agepan, Carlos Alberto de Assis, o horário de verão é interessante para o Estado, “principalmente neste cenário de crise hídrica que estamos enfrentando e é fundamental a economia de energia elétrica para evitar uma sobrecarga na distribuição”, afirma. 
 
Para o diretor de Gás, Energia e Aquário da Agência, Valter Almeida da Silva, toda economia de eletricidade é importante. 
 
“O horário de verão é um instrumento que realmente traz benefícios ao setor elétrico. Desse modo, entendemos que também outros mecanismos de economia, como por exemplo, a campanha nacional de conscientização para redução de consumo, poderiam ser adotados pelos agentes do Setor Elétrico que compensariam a economia prevista com o retorno do horário de verão”, disse. 
 
População é a favor
A educadora física Tássia Cruz, de 37 anos, é a favor do horário específico pela segurança e maior duração do dia. 
 
“Além da funcionalidade de ter mais luz durante o dia e economizar na conta, o horário de verão é bom, porque podemos sair dos compromissos ainda com a luz do sol, o que ajuda também na segurança. Penso que sobra mais tempo no dia para a prática de atividades como exercícios físicos e tempo de qualidade com pessoas que gostamos. Eu sempre gostei do horário, para ir mais cedo a escola ou trabalho com o clima fresco e voltava ainda com dia claro. Como mulher, me dava também uma segurança”, conta.  
 
Para a empresária Alzira Gavillan, de 42 anos, o horário de verão é uma facilidade para mães e donas de casa aproveitarem o dia e economizar eletricidade em casa.  “Para a mulher que é mãe, dona de casa, trabalhadora é muito bom, porque o dia parece ser mais longo, por exemplo, no fim da tarde, depois do expediente, está bem claro e nós pais podemos aproveitar essas horas para passear com os filhos nos parques e praças”, afirma a empresária.Existem também algumas entidades do setor elétrico que pedem o retorno da medida no país. Relatório chancelado pelo Instituto de Defesa do Consumidor (Idec) e o Instituto Clima e Sociedade (ICS) aponta que a iniciativa da volta do horário de verão nos estados levaria à redução de até 5% do consumo de eletricidade no início da noite.
 
Procuradas, as duas concessionárias de energia elétrica que atendem Mato Grosso do Sul, Energisa e a Neoenergia Elektro preferiram não se posicionar sobre assunto.

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados