• Início
  • Notícias
  • São Paulo anuncia que Daniel Alves não joga mais pelo clube

Camisa dez comunicou que não se reapresentaria após a volta da Seleção Brasileira

São Paulo anuncia que Daniel Alves não joga mais pelo clube

Imagem: Rubens Chiri / saopaulofc.net
Daniel Alves não é mais jogador do São Paulo. A notícia foi dada pela diretoria de futebol do clube tricolor em pronunciamento no começo da tarde desta sexta-feira, com a presença do diretor de futebol Carlos Belmonte, o coordenador Muricy Ramalho e o executivo de futebol Rui Costa.
 
A decisão foi tomada após Daniel recusar se reapresentar do clube do Morumbi depois de servir a Seleção Brasileira nas últimas duas semanas. O jogador tomou a decisão por conta da divida que o São Paulo tem com ele, que hoje gira em torno de R$ 11 milhões. 
 
"Daniel Alves e Miranda estavam servindo a Seleção Brasileira e deveriam se apresentar hoje para começarem os treinamentos normais visando os próximos jogos. Miranda compareceu, treinou normalmente. Daniel Alves não compareceu. Fomos comunicados pelos representares que o Daniel Alves não retornará ao São Paulo até o ajuste da dívida financeira que o São Paulo tem com o atleta. Dívida essa que o São Paulo reconhece e na última semana fez uma proposta buscando o acerto, que não foi aceita pelos representantes. A negociação seguirá com o departamento jurídico e financeiro. Do ponto de vista do departamento de futebol, nós comunicamos, tomamos a decisão e comunicamos ao Hernán Crespo que Daniel Alves não estará mais a disposição para atuar no time do São Paulo. O São Paulo é mais importante do que todos nós", afirmou o diretor de futebol Carlos Belmonte, em vídeo divulgado pelo clube.
 
Com problemas financeiros e a pandemia de covid-19, o São Paulo passou a não acordar os valores com o jogador, aumentando a dívida. Daniel Alves se despede do São Paulo com 95 jogos e o título do Campeonato Paulista de 2021. 
 
Daniel Alves chegou ao São Paulo com status de estrela do time em 2019, na época com um salário de R$ 1,5 milhão. A gestão passada, capitaneada por Leco, tinha o plano de colocar parceiros para ajudar a bancar os vencimentos do jogador, mas a ideia nunca saiu do papel. 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados