Sebastian Ocon conquistou sua primeira vitória na Fórmula 1 e Hamilton retomou a liderança na classificação

Em corrida cheia de surpresas, Ocon vence GP da Hungria

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Twitter Oficial/Fórmula 1
Piloto da Alpine passou ileso por acidente no início que afastou favoritos das primeiras posições
 
O Grande Prêmio da Hungria de Fórmula 1, neste domingo (1º), pode ter sido tudo, menos monótono e previsível. Quem apostava em Max Verstappen ou Lewis Hamilton viu uma improvável vitória de Esteban Ocon, da Alpine, terminar na primeira posição no Circuito de Hungaroring. A prova foi mudada na largada graças a acidente provocado por Valtteri Bottas, que fez Hamilton e Verstappen perderem várias posições.
 
Antes da largada, uma chuva fez os pilotos abandonarem estratégias e largaram com pneus intermediários. Após as luzes vermelhas se aparem, disputa por posições acabou em acidente provocado por Bottas que tirou, além do próprio, Charles Leclerc, Lance Stroll, Sergio Pérez, Lando Norris da disputa.
 
A confusão fez Hamilton cair para 14ª posição e fazer corrida de recuperação para terminar em terceiro. Verstappen não deu tanta sorte e chegou apenas na décima posição. Carlos Sainz, da Ferrai, foi o segundo. Fernando Alonso, também da Alpine, fez boa corrida e terminou em quinto.
 
Com o resultado, Lewis Hamilton conseguiu retomar a liderança na classificação do campeonato de pilotos. O heptacampeão soma 192 pontos contra 186 de Verstappen. No Mundial de Equipes, a Mercedes superou a RBR e ocupa a ponta da tabela com 300 pontos, dez a mais que a rival.
 
A Fórmula 1 encara uma pausa de verão até a 12ª etapa da temporada 2021 no GP da Bélgica, no Circuito de Spa-Francorchamps, em 29 de agosto.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados