Em busca de afirmação, Comercial e Operário se enfrentam neste sábado

Jogo no Morenão é o de número 191 entre os rivais e ingressos custam entre R$ 15 e R$ 40

Rogério Vidmantas

Os dois treinadores participaram do programa Giro do Esporte, na TV Educativa (Foto: Anderson Ramos/Capital News)

 

O sábado é de carnaval, mas também do clássico mais tradicional do Campeonato Sul-Mato-Grossense. No Estádio Morenão, às 15h30, EC Comercial e Operário FC se enfrentam pela sexta rodada em busca de afirmação na competição. O Comerário terá arbitragem de Paulo Henrique Vollkopf, auxiliado por Eduardo Gonçalves da Cruz e Cícero Alessandro de Souza.

Na classificação, o momento é melhor do time alvinegro. O Operário é o terceiro colocado com sete pontos em quatro jogos – duas vitórias, um empate e uma derrota – e pode até terminar a rodada na vice-liderança se vencer e o Costa Rica EC não passar pela SER Chapadão. Já o Colorado tem quatro pontos – uma vitória, um empate e duas derrotas – e divide a quinta posição com Corumbaense, Maracaju, Serc e Pontaporanense, levando vantagem nos critérios de desempate.

Os dois treinadores disputam pela primeira vez o Comerário e essa expectativa norteou as conversas durante a semana. “Bacana participar de uma festa dessas. Como treinador é o meu primeiro clássico, mas estou muito tranqüilo. Estamos preparando a equipe desde 5 de janeiro dentro de um planejamento para que a equipe estivesse em uma situação boa para esse jogo contra o Operário”, disse Mattos.

Do outro lado, Glauber lembra da vantagem histórica sobre o adversário. “Tenho o sentimento de muito orgulho e muita responsabilidade. Comerário é um campeonato a parte e estar a frente do Operário, maior ganhador de títulos e clássicos, me coloca numa posição de fazer tudo o que for possível para dar prosseguimento nessa história”, afirma.

Desfalques e escalação

O clássico começa empatado nos desfalques por suspensão. O atacante Eduardo Sapinho, do Comercial, e o lateral operariano Emerson levaram o terceiro cartão amarelo e estão fora da partida. Depois de jogos seguidos na semana passada, Robson Mattos e Glauber Caldas tiveram a semana para ajustar o time e substituir essas faltas.

Mandante do jogo, a escalação provável do Comercial tem Lucas no gol; Raylan, Ventura, Henrique e Paulista; Alessandro, Chaveiro, Daniel e Marcelo; Wallace e Chumbinho.

O Operário deve ter o mesmo time que venceu o Cena, com exceção, claro, do jogador suspenso. O time provável tem França no gol; Gleidson, Maurício, Elielton e Makeka; Rilber, Patrick, Borges e Ávine; Jonatas Obina e Maycon Alagoano.