“É um palácio”, diz mulher sobre casa entregue pelo Governo em Ivinhema

Foram entregues 141 moradias; 91 no Residencial Vitória, na cidade, e 50 no Residencial Nelito Câmara, no distrito de Amandina

 

Quarenta anos. Esse foi o prazo que Ana Rita da Cruz, de 61, esperou para conquistar a casa própria em Ivinhema. Beneficiada pelo poder público com uma moradia no Residencial Vitória, no bairro que leva o mesmo nome, Ana Rita avalia que a espera valeu a pena. “Ganhei na mega-sena. Isso aqui não é uma casa. Isso aqui para mim é um palácio”, disse ela nesta terça-feira (18) ao receber as chaves do imóvel.

Ao todo, o Governo do Estado, em parceria com o Governo Federal e a Prefeitura Municipal, entregou 141 moradias em Ivinhema. 91 delas formam o Residencial Vitória na cidade. Outras 50 integram o Residencial Nelito Câmara no Distrito de Amandina.

Os imóveis têm 48 m² cada e são formados por dois quartos, sala/cozinha, banheiro e área de serviço coberta, além de sistema solar. Cada residencial é composto de infraestrutura básica, como arruamento, iluminação pública e abastecimento de água, além de academia ao ar livre.

“Quando entregamos casas, principalmente para pessoas que aguardavam há tantos anos, é uma alegria múltipla, tanto para as pessoas quanto para nós o poder público”, avaliou o governador Reinaldo Azambuja durante a entrega dos residenciais.

A construção das moradias teve investimentos de R$ 14,5 milhões – recursos municipais, estaduais e federais. “Aqui existe verdadeiramente o pacto federativo, já que todos os entes investiram nas casas”, pontuou o superintendente da Caixa Econômica Federal, Moacyr do Espírito Santo. “É um diferencial dessa administração”, emendou o prefeito Eder França Lima, o Tuta.

O pedreiro Aparecido Mendes de Souza, 60 anos, também recebeu hoje as chaves da casa própria. “13 anos de espera, mas agora recebi uma casa ótima, sem defeito. Morava de favor há cinco anos e agora tenho meu lar”, comemorou.

A diarista Ayala Kahuana Viana, 25 anos, vai morar em uma das casas com os três filhos, um de 8, outro de 5 e o mais novo de 1. “Vai ser mais que satisfatório. Moro com minha avó e estar no meu cantinho vai ser a realização de um sonho”, disse.

RUAS E SANEAMENTO

Ainda em Ivinhema, o governador Reinaldo Azambuja inaugurou a obra de pavimentação e drenagem de águas pluviais do Jardim Vitoria, de R$ 1,6 milhão, e autorizou o início da obra de asfalto e drenagem nos bairros Guiraí, Jardim Vitória (parte 3), Itaporã (parte 2) e Água Azul – investimento previsto de R$ 3 milhões.

“Vamos autorizar também mais R$ 23 milhões para esgotamento e sanitário para melhorar a qualidade de vida da população de Ivinhema. Vamos sair de zero para 70% de coleta e tratamento de esgoto”, anunciou Reinaldo Azambuja sobre os novos investimentos na cidade por meio do programa Avançar Cidades, em parceria com o Governo Federal.

Participaram do evento público os secretários estaduais Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica) e Sérgio de Paula (Articulação Política do Governo); os deputados estaduais Paulo Côrrea (presidente da Assembleia), Renato Câmara e Barbosinha; e a diretora-presidente da Agência de Habitação Popular de Mato Grosso do Sul, Maria do Carmo Avesani Lopez.