Agepen troca diretor da PED após uso ilegal de mão de obra de presos

compartilhe:

HELIO DE FREITAS
Especial para o Diário MS

A Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) trocou o diretor da PED (Penitenciária Estadual de Dourados). A dispensa do ex-diretor Manoel Machado da Silva foi feita em portaria publicada ontem pelo diretor-presidente em exercício Pedro Carrilho de Arantes. Manoel foi substituído pelo diretor-adjunto da PED, Antônio José dos Santos, que passa a acumular os cargos.
A Agepen informou através da assessoria de comunicação que a troca de diretor ocorre por “necessidades administrativas internas”. Entretanto, atualmente existe uma investigação do Ministério Público em andamento sobre irregularidades cometidas no maior presídio de Mato Grosso do Sul, como uso ilegal de mão de obra de presos para fazer serviços particulares para diretores da unidade.
Entre as denúncias está a reforma de uma carretinha de moto para um dos diretores do presídio. O serviço feito pelos presos dentro da PED foi gravado e o vídeo compartilhado em redes sociais.
Outro caso investigado é a construção de uma granja para criação de porcos na área da PED. Existe suspeita de que os presos estariam trabalhando nessa obra, para atender os diretores do presídio.
Manoel Machado da Silva e o diretor operacional Acir Rodrigues foram intimados pelo promotor de Justiça Ricardo Rotunno, da 16ª Promotoria de Defesa do Patrimônio Público, para dar explicações sobre as denúncias.

Jeep

WHATSAPP DIÁRIO

Logo whatsapp Diario MS