Diário MS
Get Adobe Flash player

SEMEC e NTM oferecem Projeto Scratch aos alunos das escolas municipais de Nova Andradina

Isabelle Tanji
Divulgação

Alunos das escolas municipais Prof. João de Lima e Efantina de Quadros participam do projeto

A Prefeitura de Nova Andradina, através da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (SEMEC), desenvolve toda sexta-feira no Núcleo de Tecnologias Educacionais Municipal (NTM) o  Projeto Scratch – O uso do Scratch como ferramenta no desenvolvimento do raciocínio lógico – oferecido aos alunos do 8° ano das escolas municipais Professor João de Lima e Efantina de Quadros.
 
Considerando que a tecnologia está presente no cotidiano das pessoas, principalmente das crianças e adolescentes que são os mais ativos em meios digitais, faz-se necessário utilizar desse recurso para facilitarmos o processo de ensino e aprendizagem tornando-o mais interativo e prazeroso.
 
Sabendo dessa importância e buscando melhorar a qualidade do Ensino Municipal, a Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (SEMEC), juntamente com a coordenação do Núcleo de Tecnologias Educacional do Município de Nova Andradina (NTM), propôs o desenvolvimento do Projeto Scratch que possui proposta semestral e visa a criação de animações, histórias e jogos, estimulando a criatividade, concentração e desenvolvimento do raciocínio lógico e matemático.
 
De acordo com a coordenadora de Tecnologias Educacionais, Kelle Ester Da Silva Souza, “o presente projeto justifica-se por acreditarmos que a utilização dessa ferramenta ajuda nossos alunos a desenvolver a concentração, exercitar de forma interativa a criatividade, o raciocínio logico e matemático, propiciando momentos de criação e autoria. Por ser uma ferramenta tecnológica de programação gráfica, o mesmo oferece uma linguagem simples em que será possível a criação de histórias interativas, animações, jogos entre outros”, expôs.
 
O curso é ministrado pelo estudante de Ciências da Computação-Licenciatura da UEMS, Jhonatan de Paula Candão. O profissional acredita que a ferramenta potencializa o espírito investigador na resolução de problemas, haja visto que as situações problemas neste contexto exige dos alunos uma postura ativa na busca por soluções de alguns obstáculos que surgem durante a elaboração de seus projetos no Scratch.