• Início
  • Notícias
  • Gómez marca, Palmeiras vence Grêmio e fica perto do tetra na Copa do Brasil

Palmeiras foi melhor no primeiro tempo e garantiu vantagem para segurar na etapa final

Gómez marca, Palmeiras vence Grêmio e fica perto do tetra na Copa do Brasil

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Agência Palmeiras
Zagueiro paraguaio marcou o gol da vitória verde por 1 a 0 em Porto Alegre
 
A decisão da edição 2020 da Copa do Brasil começou com vantagem verde. Neste domingo (28), em Porto Alegre, o Palmeiras venceu o Grêmio por 1 a 0 da partida de ida e ficou mais perto do quarto título da competição. Ainda no primeiro tempo, o zagueiro Gustavo Gómez marcou o gol da vitória do Verdão, que, com um jogador a menos em boa parte do segundo tempo, teve que segurar a pressão tricolor em busca do empate (veja abaixo).
 
Os dois times voltam a se enfrentar no domingo (7), às 17h (MS), no Allianz Parque. Um empate garante o título ao Palmeiras, enquanto o Grêmio precisa vencer por dois gols de vantagem para levantar a sexta conquista. Se a vitória tricolor for pela vantagem mínima, independente do placar, a disputa termina nos pênaltis.
 
O Jogo
 
A disputa pela taça começou equilibrada na Arena do Grêmio, mas aos poucos o Palmeiras foi impondo o seu jogo. A primeira boa oportunidade do Verdão aconteceu aos 25 minutos. Rony cobrou falta buscando o canto direito de Paulo Victor, que voou e defendeu no canto. Mas a bola não demorou a entrar. Na marca dos 31 minutos, Raphael Veiga cobrou escanteio pela direita, Gustavo Gómez subiu mais alto que a defesa gremista e cabeceou firme, na direção do gol. Paulo Victor ainda alcançou a bola, mas espalmou para o fundo das redes.
 
O Tricolor tentou responder aos 33, quando Alisson arriscou de fora da área e a bola passou rente à trave de Weverton. Mas foi o Verdão que teve outra grande chance antes do intervalo. Na marca dos 45 minutos, Luiz Adriano se livrou da marcação de Paulo Miranda, saiu cara a cara com Paulo Victor mas chutou por cima da meta.
 
Já no segundo tempo, aos 10 minutos, a equipe paulista desperdiçou outra chance. Veiga deu uma linda caneta em Paulo Miranda e rolou para Rony. O atacante, praticamente embaixo das traves, mandou por cima do travessão. Até que, na marca dos 18 minutos, o Verdão teve uma baixa no time: o zagueiro Luan acertou o braço no rosto de Diego Souza e recebeu o cartão vermelho, deixando o Palmeiras com um jogador a menos.
 
Em vantagem numérica, só restou ao Tricolor partir para cima. Aos 28, Diego Souza cobrou falta ligeiro, a bola chegou em Ferreira que chutou para defesa de Weverton. Logo depois, na marca dos 34, Churín pegou sobra na área e finalizou. Mas a defesa alviverde afastou o perigo. No fim, a zaga alviverde conseguiu segurar a onda, não foi vazada e levou boa vantagem para a partida da volta em São Paulo.
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados