• Início
  • Notícias
  • Flamengo perde e conta com empate do Inter para ser bicampeão do Brasileirão

Depois do sofrimento, jogadores do Flamengo comemoram oitavo título do Brasileirão

Flamengo perde e conta com empate do Inter para ser bicampeão do Brasileirão

Por Rogério Vidmantas
Imagem: Alexandre Vidal/CR Flamengo
São Paulo fez 2 a 1 e jogadores do Mengão passaram minutos torcendo contra o Colorado que ficou no 0 a 0
 
O Campeonato Brasileiro segue vermelho e preto. Pelo segundo ano seguido, o Flamengo termina a 38ª rodada na liderança e levou o título da edição 2020. Mas desta vez, com ares de dramaticidade. O Mengão foi derrotado pelo São Paulo por 2 a 1, gols de Luciano e Pablo com Bruno Henrique descontando, na Capital Paulista e precisou ficar aguardando o final do jogo do Internacional em Porto Alegre para saber se ficaria com a taça. Precisando da vitória, o Colorado vacilou e ficou no 0 a 0, deixando a chance escapar.
 
Com a combinação de resultados, o Flamengo manteve a liderança com 71 pontos e garantiu sua oitava conquista do Brasileirão. O Inter terminou na segunda posição, com 69. A vitória manteve o São Paulo na quarta posição, com 66 pontos, e garantiu vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores. O Atlético-MG, que venceu o Palmeiras por 2 a 0, completa o G4 na terceira posição com 68 pontos.
 
O Jogo
 
O Morumbi foi palco da decisão para o Flamengo, que visitou o São Paulo em busca dos três pontos para ficar com o título da competição sem se preocupar com o resultado de Porto Alegre. As melhores oportunidades foram criadas em lances de bola parada. Aos seis minutos, Arrascaeta cobrou escanteio na área, a bola sobrou para Gabriel, que finalizou por cima. Depois, aos 12, Filipe Luís cobrou falta na área, Gustavo Henrique cabeceou com perigo e viu Tiago Volpi fazer boa defesa – de qualquer maneira, o lance já tinha sido paralisado por falta de ataque do Fla. Na marca dos 33, Arrascaeta bateu falta na barreira, e Everton Ribeiro pegou o rebote, mas mandou longe do gol.
 
Nos minutos finais, após escanteio, a bola sobrou para Gabriel, que se esticou para tentar o chute, mas mandou para fora. O Tricolor, apertando na marcação, pouco levou perigo à meta defendida por Hugo Souza. No entanto, foi efetivo na melhor chance criada. Já nos acréscimos, aos 49, Luciano cobrou falta da meia-lua com categoria e surpreendeu o goleiro rubro-negro para colocar o São Paulo na frente: 1 a 0.
 
O segundo tempo começou agitado. Logo no primeiro minuto, o Flamengo teve chance de empatar em tentativa de bicicleta de Gabriel, que saiu por cima. Mas, aos cinco minutos, a equipe carioca igualou o marcador. Arrascaeta mandou a bola na área após escanteio, Gustavo Henrique desviou para o meio e Bruno Henrique finalizou de cabeça, igualando o placar em 1 a 1. O São Paulo não demorou para responder e, aos 13, Daniel Alves aproveitou falha do goleiro Hugo e tocou para Pablo voltar a deixar o time da casa na frente. 
 
Ainda sem conseguir criar chances perigosas, o Flamengo passou a pressionar nos minutos finais. Aos 45, Volpi fez grande defesa em chute cruzado de Bruno Henrique. Logo depois, Arrascaeta aproveitou sobra de bola, mas mandou para fora. Apesar da blitz nos acréscimos, a equipe rubro-negra não voltou a balançar as redes e fechou o Brasileirão com derrota. Depois do apito final, os jogadores cariocas passaram a torcer para que o Inter não marcasse no fim do jogo com o Corinthians. O gol até aos 51 minutos do segundo tempo, mas Edenílson estava impedido, o lance foi invalidado após confirmação no VAR e a festa foi rubro-negra. 
 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados