• Início
  • Notícias
  • Agência paraguaia apreende 41 toneladas de maconha na fronteira

Guilhotina usada para cortar tabletes de maconha

Agência paraguaia apreende 41 toneladas de maconha na fronteira

Por Helio de Freitas
Campo Grande News
Imagem: Divulgação/Senad
Buscas ocorreram em propriedades rurais em Maracaná, a 60 km de Mato Grosso do Sul
 
Pelo menos 41 toneladas de maconha pronta para o consumo foram apreendidas em três ações simultâneas nesta quinta-feira (19) em três propriedades rurais localizadas nos arredores do distrito de Maracaná, no Paraguai.
 
 
A região onde a droga foi encontrada fica em áreas de mata fechada no Departamento de Canindeyú, a 60 km de Paranhos, em Mato Grosso do Sul.
 
 
 
Na primeira propriedade foi encontrado acampamento usado pelos narcotraficantes onde estavam 8.993 quilos de maconha picada e 500 quilos da droga prensada. Guilhotina, prensa e outros equipamentos usados para processar a erva foram destruídos.
 
Em outro ponto, também dentro da mata, foram encontrados embaixo de lonas, 29,6 mil quilos de maconha picada e 1.750 quilos já em tabletes prensados.
 
No terceiro local vistoriado, uma residência rural, os agentes da Senad encontraram 620 quilos de maconha picada. A agência antidrogas do Paraguai estimou em 1,2 milhão de dólares o prejuízo para os traficantes com a apreensão e destruição das 41,4 toneladas de maconha, cujo destino final seria o Brasil.
 
Mais uma vez ninguém foi preso. Segundo a Senad, os traficantes que trabalhavam nos acampamentos teriam sido avisados sobre a operação por “olheiros” mantidos nos arredores para vigiar a chegada de policiais. 

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados