Famosos criticam decreto de Jair Bolsonaro

Diversos famosos como Anitta, Bruno Gagliasso, Babu Santana, Emicida, Daniela Mercury, Leandra Leal, entre outros, usaram suas redes sociais para se manifestar contra um decreto publicado nesta última terça-feira (27) pelo presidente Jair Bolsonaro.
Segundo o governo, o objetivo é pedir estudos para avaliar a possibilidade de conceder à iniciativa privada as UBSs (Unidades Básicas de Saúde), a porta de entrada para o SUS (Sistema Único de Saúde). De acordo com alguns críticos, a medida abre espaço para a privatização da saúde pública no país.
Emicida publicou no Twitter uma imagem com os dizeres: “O SUS salva vidas. Ele não”. Já a funkeira Tati Quebra Barraco disse: “Não seja um idiota, defenda o SUS”.
“Ironia do destino é o arrombado que levou uma facada e teve a vida salva pelo SUS querer privatizar o sistema e deixar o povo que não tem condições de se tratar em clínicas particulares entregue à própria sorte. #DefendaoSUS”, tweetou Gregorio Duvivier.
Anitta divulgou “Defenda o SUS”. “Privatizar o SUS é deixar a população mais pobre entregue à própria sorte. Não faz sentido! #DefendamOSUS”, afirmou a atriz Taís Araújo.
A cantora Daniela Mercury também desaprovou a medida. “O governo quer privatizar o SUS. Sem o SUS o país será ainda mais injusto do que já é com os mais pobres e com a classe média. A nossa vida não é mercadoria. Precisamos lutar contra a privatização do SUS. #DefendaoSUS”, disse a baiana.
“Defendam o SUS”, postou o Ex-BBB Babu Santana. Bruno Gagliasso e Leandra Leal investiram na hashtag #DefendaOSUS.

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados