Bolt é o único velocista a vencer as provas dos 100m e 200m em três Olimpíadas consecutivas

Aos 33 anos, Usain Bolt é pai pela primeira vez

Por Rodrigo Ricardo
Agência Brasil
Imagem: Fernando Frazão/Agência Brasil
O homem mais rápido do mundo vai completar 34 anos em agosto e conheceu, no último domingo (17), a alegria e a responsabilidade da paternidade. A namorada de Usain Bolt, Kasi Bennett, deu à luz a filha de quem é conhecido mundialmente como o “raio”. Segundo a imprensa jamaicana, o parto foi acompanhado pelo pai de primeira viagem, mas o casal se manteve discreto, sem divulgar fotos ou o nome da menina.
Único velocista a vencer as provas dos 100m e 200m em três Olimpíadas consecutivas (2008, 2012 e 2016), Bolt teve o nascimento da filha saudado pelo primeiro-ministro do seu país, Andrew Holness: “Parabéns à nossa lenda da velocidade e sua mulher pela chegada da garotinha”, tuitou o político.
Dono dos recordes mundiais tanto nos 100m quanto nos 200m, Bolt já havia confirmado por um vídeo no Instagram, em março, a gravidez. O atleta também já tinha manifestado que não gostaria que os filhos seguissem os caminhos do pai, por causa da pressão que poderiam receber no esporte.
Undecacampeão mundial, Bolt disputou a última prova oficial em Londres 2017, quando sofreu uma lesão no tendão na última corrida da fantástica carreira.

Faça um comentário

Último boletim da Prefeitura de Dourados