Banner São Bento

Dovizioso defende companheiro: “Não adiantava ter me deixado passar”

compartilhe:

GAZETA ESPORTIVA

No último domingo, Andrea Divizioso entrou na pista com a responsabilidade de conseguir um feito para ser campeão do Moto GP. Precisando de um desempenho ruim de Marc Márquez e necessitando de um triunfo na etapa, nenhuma das duas coisas acabaram acontecendo e temporada ainda acabou para o italiano com uma queda. Entretanto, a grande polêmica da corrida ficou por conta de seu companheiro de equipe, Jorge Lorenzo, que não teria aceitado o código da equipe para deixar Dovi ultrapassá-lo e alimentar chances de título. Após a corrida, o vice-campeão defendeu a postura do espanhol.

“Eu fiz a corrida atrás de Jorge Lorenzo e isso me ajudou a ir melhor. No começo eu poderia ultrapassá-lo, havia alguns pontos em que eu era mais rápido que ele, mas em outros não. Na verdade, isso me fez ter um bom ritmo, algo que não consegui fazer durante todo o fim de semana. Acredito que seja por isso por isso que consegui acompanhá-los até o fim, porque ele forçou bastante e fiz de tudo para acompanhá-lo”, disse Dovizioso.

Lorenzo e Dovisioso ficaram grande parte da corrida em quarto e quinto lugar, respectivamente. Quando o italiano parecia apresentar um desempenho melhor, veio a orientação codificada que deveria orientar o piloto espanhol a abrir passagem para o companheiro, que alimentava chances de título. Recusando a solicitação, Lorenzo manteve o ritmo e teve de se explicar após o GP.

“Vi a sugestão, mas optei por manter meu ritmo e ir o mais rápido possível até o fim, porque sabia que isso era o melhor para mim, para a Ducati e também para o Divizioso. Eu lhe ajudei a manter um bom ritmo e se aproximar do grupo da frente”, disse o espanhol. “Se fosse o caso de ele vencer o campeonato, teria deixado, mas a condição não era essa”, completou Jorge Lorenzo.

No momento crucial da prova, Dovi sofreu uma queda e teve de abandonar a prova. Ao final, o piloto da Ducati deu explicações sobre o ocorrido. “Perdi tempo e vi o Marc ir embora, com uma grande vantagem. O problema foi que pressionei demais e acabei passando um pouco, cometi um erro e aconteceu o que todos viram”, apontou o vice-colocado da categoria.

CORPAL

Luau Indaiá

PMD REFIS

Luau Indaiá

WHATSAPP DIÁRIO

Logo whatsapp Diario MS