Diário MS
Get Adobe Flash player

Brasil arrasa Colômbia avança sem perder sets à semi do Sul-Americano

VÔLEI | Com três vitórias, sobre Paraguai, Venezuela e Colômbia, seleção vai a Santiago disputar semifinal

 

 

Temuco (AE)

Felipe Andaur Suárez

Seleção brasileira masculina de vôlei venceu três partidas sem perder um set sequer

Assim como aconteceu nos seus dois primeiros jogos no Campeonato Sul-Americano, a seleção brasileira masculina de vôlei não teve dificuldades para vencer mais um adversário na competição realizada no Chile. Ontem à tarde, o time nacional arrasou a Colômbia por 3 sets a 0, com parciais de 25/14, 25/11 e 25/21, no Ginásio Olímpico Regional UFRO, em Temuco, para avançar às semifinais como líder do Grupo A, com três vitórias tranquilas em três partidas.

 

Antes de bater os colombianos, o time nacional comandado pelo técnico Renan Dal Zotto superou, também por 3 sets a 0, o Paraguai, na segunda-feira, e em seguida a Venezuela, na terça.

 

Após o novo triunfo, os brasileiros esperariam pela definição do seu adversário nas semifinais, que será o segundo colocado do Grupo B. O rival seria o perdedor da partida entre Chile e Argentina, que estava marcada para começar no término da programação de confrontos desta quarta, no final da noite, quando seria determinado também o líder desta chave.

 

Ontem, visando dar ritmo a todos os jogadores convocados para o Sul-Americano e testar novas opções na competição na qual o Brasil é o grande favorito ao título, Renan Dal Zotto escalou a terceira formação diferente em três partidas A equipe entrou em quadra com o levantador Bruninho, o oposto Renan, os centrais Isace Maurício Souza, os ponteiros Douglas e Maurício Borges e o líbero Tiago Brendle. Depois, ao longo do confronto, entraram no time o ponteiro Rodriguinho, o levantador Raphael, o central Otávio e o líbero Thales.

 

E o comandante exibiu satisfação com mais uma atuação do Brasil, que vem mostrando comprometimento em quadra sem se acomodar com a superioridade técnica que ostenta diante dos adversários. “Nessa primeira fase conseguimos fazer com que todos os jogadores jogassem, de forma muito semelhante, os resultados foram muito bons e agora é pensar na semifinal. Vamos esperar pela definição do adversário e, sem dúvida, entrar com força máxima”, afirmou Renan, antes de saber quem seria os próximos adversários dos brasileiros.

 

Já o líbero Tiago Brendle destacou que o mais importante será buscar o título com o empenho necessário e obter mais duas vitórias nos dois próximos dias. “Para nós não importa o rival. Vamos para Santiago para buscar duas vitórias. Essa é a nossa missão, esse é o nosso comprometimento, e, se fizermos por merecer, sexta-feira à noite o título vai ser nosso”, afirmou o jogador, se referindo à decisão marcada para sexta na capital chilena.