Diário MS
Get Adobe Flash player

Anistia Internacional convoca manifestações no Reino Unido contra Trump

EFE

Evan Vucci/AP

Anistia Internacional (AI) convocou para às 18h (16h em Brasília) desta segunda-feira (30) manifestações em várias cidades britânicas para protestar contra a política migratória imposta pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, contra cidadãos de sete países de maioria muçulmana.

Trump provocou a reação internacional depois de assinar na sexta-feira (27) um decreto que veta a entrada nos Estados Unidos de cidadãos com passaportes de Irã, Iraque, Iêmen, Líbia, Síria, Somália e Sudão. A medida suspende a entrada de todos os refugiados durante 120 dias.

Nas manifestações no Reino Unido, espera-se que o ex-líder trabalhista Ed Miliband e a cantora Lily Allen participem, segundo a imprensa local.

A diretora da Anistia Internacional, Kate Allen, qualificou o decreto do presidente dos Estados Unidos de “espantoso”. Segundo ela, a administração de Donald Trump está prejudicando crianças, mulheres e homens que “fogem de torturadores e assassinos”.

“Estas manifestações mostram a profundidade da raiva e da frustração que as pessoas no Reino Unido sentem. A Anistia pede a todos que busquem a manifestação mais próxima e enviem uma mensagem forte a nossos políticos que este tipo de proibição não pode ser tolerada”, afirmou Kate.

O governo britânico disse no domingo que a lei de divisória e afirmou que é errado estigmatizar pessoas por sua nacionalidade.